É ler para crer

Posso afirmar que há um ano atrás não conseguia ler um livro inteiro, não importava se fosse pequeno ou grande, sempre tive o hábito de ler revistas e acabei ficando mal acostumada com a diversidade de assuntos em um  só lugar, logo um livro se tornava  chato para mim. Decidi que ia criar esse hábito de ler livros, pensei como seria bonito daqui uns anos ter uma sala cheia de livros que eu ja li, sabe, me imaginei levando alguém até essa sala, abrindo a porta e dizendo “Essa é a minha mente, sinta-se a vontade para entender como eu funciono”, tipo aqueles Softwares que possuem código aberto.
“Como criar o hábito da leitura?”Pesquisar, me senti a Alice caindo num buraco sem fim de tantos textos clichês que li e olha como a vida gosta de tirar onda com a nossa cara… To aqui escrevendo mais um.
Comecei procurando um livro abandonado pela minha casa (minha família também começa a ler e não termina), achei! Karmatopia, tinha uma capa legal e sei lá karma sempre me chamou atenção. Demorei quase 6 meses para terminar de ler mesmo amando a história e me identificando muito com a autora, tinha dias que eu esquecia de ler ou ficava enrolando para começar e também desisti de ler ele por um tempo e comecei outro: A menina do Vale, era menor e foi o primeiro livro que terminei (demorei muito tempo) mas como ele descobri o tipo de leitura que me chamava atenção: Aprendizado/Autoconhecimento e eu também tenho um certo fascínio pelo Vale do Silício então foi fácil, ou seja, Descubra o que você gosta de ler.
Nos primeiros livros, lia por obrigação mesmo, todo dia pelo menos duas páginas mas SEMPRE acabava lendo mais e só parava quando alguém me interrompia, depois a obrigação passou a ser necessidade. Outra coisa que me ajudou foi levar o livro para onde eu fosse, sempre que tinha um tempinho começar a ler, fazer isso tem tantos benefícios, por exemplo, parei de ficar mexendo sem motivos no celular e descobrir como uma pessoa lendo um livro chama a atenção dos outros, na faculdade fui marcada por várias pessoas que sempre chegam em mim dizendo “Sei quem você é, você sempre ta lendo, né?”. Não ter um espaço calmo para ler dificultou um pouco a minha missão mas logo montei uma Playlist de Chillout que me mantém bem focada.

O importante é começar, ler o meu primeiro livro inteiro foi um grande desafio para mim mas assim que acabei, vi que era possível, se eu li um  posso ler vários o importante é começar.

Anúncios

2 comentários em “É ler para crer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s